sexta-feira, 9 de março de 2018

Educação em Saúde realiza ação educativa sobre febre amarela e outras arboviroses no Colégio Estadual Guilherme Briggs




Com o objetivo de alertar sobre os perigos à saúde causados pelas principais arboviroses de interesse em saúde pública no momento (dengue, zika, chikungunya e febre amarela urbana), o setor de Informação, Educação e Comunicação em Saúde (IEC) – do Centro de Controle de Zoonoses de Niterói (CCZ) – realizou palestra para alunos do ensino médio do Colégio Estadual Guilherme Briggs, em Santa Rosa, nesta semana (06 a 08/03).

Ministrada por Daniele Caviare e Leila Neves, ação educativa em saúde privilegiou a metodologia do diálogo interativo, apresentação de slide-show e distribuição de panfletos.  As agentes abordaram os seguintes tópicos: arboviroses e seus sintomas, a importância da vacinação contra a febre amarela, a desmistificação da questão equivocada da relação dos macacos com a transmissão direta da febre amarela em humanos, características dos mosquitos transmissores, principais medidas de prevenção e combate aos possíveis criadouros do vetor comum (Aedes aegypti).



O envolvimento do público na temática superou expectativas.  Alunos e professores assistiram as explicações das palestrantes atentamente e realizaram perguntas. A doença febre amarela suscitou maior interesse. Esclarecimentos a respeito dos vírus causadores da doença e dos vetores responsáveis pela transmissão nos ciclos silvestre e urbano foram realizados.

 “Os jovens interagiram com muitas perguntas sobre a febre amarela e também tiveram especial curiosidade em relação às diferenças entre as arboviroses. Foi surpreendente a disposição deles em querer aprender mais e mais. A diretora Alcineia Rodrigues, educadores e alunos foram sensacionais, receberam e apoiaram muito bem a atividade”, avaliou a palestrante Leila Neves.



Nenhum comentário:

Postar um comentário